©  2017 LEONCIO DE SOUZA QUEIROZ NETO

Consultório
(19) 3235-2202
(19) 3232-3227
Instituto Penido Burnier
Av. Andrade Neves, 683
Campinas - SP
  • White Facebook Icon
  • White Facebook Icon
  • White Facebook Icon
  • White Facebook Icon
  • White Facebook Icon
  • White Instagram Icon
  • White YouTube Icon
Facebook: Dr. Leôncio Queiroz Neto
Facebook: Tenho Ceratocone
Facebook: Vencer o Glaucoma
Facebook: Cirurgia Refrativa
Facebook: Visão Nublada
Instagram: Dr. Leôncio Queiroz Neto
Canal de vídeo do Youtube
Acompanhe meu trabalho
através das redes sociais:

July 25, 2019

Please reload

Posts Recentes

Cresce espera por transplante de córnea

August 7, 2019

1/10
Please reload

Posts Em Destaque

Ceratocone, convivendo com ele .

June 21, 2017

Exatamente por não ser muito divulgado, quando se descobre que se tem Ceratocone, em geral as pessoas pensam que é algo muito raro e grave e que só elas, ou poucos sofrem disso, sendo que a falta de conhecimento sobre o problema ocasiona medo e desespero.

 

Na maior parte das vezes, por não haver orientação e alguns profissionais o assustarem ou condenarem a cegueira, inicialmente pode ocasionar mudanças de personalidade, sentimentos de inferioridade, revolta, frustração, depressão e ansiedade.

 

No entanto são muitos os casos encontrados e a melhor terapia psicológica é buscar outro profissional mais competente e trocar experiências com pessoas que tem o mesmo problema, pois determinados sintomas em comum auxiliam a entendê-lo melhor e a conviver com ele.

 

Do ponto de vista social, emocional e psicológico, é muito importante conhecer a natureza do Ceratocone, conversar com a família e amigos de forma que eles também entendam o problema e principalmente adotar uma atitude positiva, aceitando, mas buscando soluções e um profissional que o oriente e auxilie.

 

Durante a fase inicial de adaptação das Lentes de Contato, o fato de obter uma visão favorável já ocasiona um estímulo, assim como as orientações que auxiliam a conviver bem com o problema. Pelo fato de haver uma convivência maior com o profissional nesta fase, haverá a oportunidade de encontrar muitas outras pessoas com o mesmo problema, sentindo as mesmas coisas ou já tendo superado todas elas.

 

A troca de experiências mútuas e o fato de compartilhar são sempre gratificantes, em qualquer situação de nossas vidas.

 

#ceratocone

 

 

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

Siga